TENHA MOMENTOS ÚNICOS COM SEUS FILHOS

Conversar faz bem!
Já parou pra pensar que a conversa faz parte do dia a dia de crianças e jovens?
Este texto destina-se àqueles que são pais ou responsáveis de crianças e jovens, em idade escolar, e que, assim como muitos, têm encontrado alguns desafios no período de quarentena. Nessa etapa, você provavelmente já inventou milhares de coisas pra fazer com as crianças em casa: brincou, estudou, fez bagunça, arrumou a bagunça, deixou tudo bagunçado, se divertiu e até mesmo se estressou. Enfim, os dias de quarentena, podem ser realmente desafiadores, e ficar em casa, em tempo integral, tem se mostrado uma missão quase impossível para muitos pais.

Com a suspensão das aulas, pais e responsáveis, além de terem que dar conta das demandas escolares das crianças, precisam focar e também dar atenção ao trabalho, já que muitos estão trabalhando na modalidade home office, e deste modo, o ambiente domiciliar parece virar praticamente um espaço para coworking.

Nunca pensamos que isolamento social e a suspensão de atividades presenciais viessem a ser uma realidade, mas apesar de toda dificuldade que o momento traz, existem muitas coisas que podemos fazer para aproveitar melhor esses período com as crianças e adolescentes em casa.

Quantas vezes você ouviu alguém dizer que queria ter mais tempo para se dedicar a família e aos filhos? Ou que ao chegarem em casa as crianças já estavam dormindo, descansando para o próximo dia com uma agenda lotada de afazeres e atividades. Mas e agora que estamos todos em casa, como criar uma conexão positiva entre pais e filhos?

Uma maneira muito interessante é conversar, bater papo mesmo! Você já parou pra pensar que durante as aulas a conversa faz parte do dia a dia de crianças e jovens, seja com os colegas, com o professor ou com o porteiro da escola? Nesses momentos eles expressam opiniões, compartilham semelhanças e diferenças e conhecem mais a si mesmo e ao outro e tem a oportunidade de socializar atitudes e pensamentos. Aproveite para conversar mais com seus filhos.

Manter uma aproximação autêntica com crianças e jovens, e ter conversas sinceras, nem sempre é algo fácil. Ainda assim, são momentos como estes que irão ajudá-los a criar boas memórias em família, colaborando também para gerar vínculos de confiança entre pais e filhos, ao torná-los mais conscientes dos papéis que querem desempenhar. Esses momentos permitem também construir referências familiares próprias.

Uma maneira bem divertida e interessante de fazer isso pode ser através da criação de um momento para o bate papo em casa. É muito importante manter a leveza e a ludicidade, no caso das crianças. Como sugestão, uma iniciativa muito bacana é a campanha #conversarfazbem, em que os pais registram as respostas de perguntas que fizeram aos filhos e as compartilham. As perguntas são relacionadas a sentimentos, educação, cultura, curiosidades, esportes e outros temas. Aqui vão alguns exemplos:

Se quiser mais sugestões de perguntas e de como elas podem ser usadas, você pode acessar o livro 100 perguntas que vão dar o que falar, uma publicação compartilhada pela organização Todos pela educação, que tem como objetivo criar uma ponte para a aproximação, comunicação e interação entre adultos, crianças e jovens a partir de diversas perguntas.

O período de quarentena pode ser realmente desafiador. No entanto, tão grande quanto os desafios são as possibilidades de aproveitar este tempo com aqueles que amamos. Temos agora a oportunidade de conhecer melhor nossos filhos e de permitir que eles também nos conheçam, compartilhando nossas ideias, memórias, alegrias e pensamentos. Podemos aprender a ter mais paciência para manter a harmonia em casa, tolerância para respeitar nossas diferenças e a criar momentos de conexão, empatia e laços de confiança. Assim, quando tudo isso passar ficará a proximidade, amor e carinho que cultivamos durante este momento.

Fonte: International School Blog

Leave a Reply

Open chat